Uso de despedida no e-mail de trabalho

“Ausência de despedida” está em sétimo lugar no ranking dos dez erros mais comuns em e-mails. Talvez por usar assinatura automática no final da mensagem, há pessoas que escrevem o que têm de escrever e só, não dizem um tchau, nem um obrigado, nem mandam abraço. A mensagem fica seca e antipática, dando a impressão de que o autor é uma pessoa sem educação. Portanto, especialmente nas mensagens que você escreve para tratar de assuntos de trabalho, lembre-se de sempre de encerrar com uma despedida, mesmo que use assinatura automática (neste caso, basta a despedida, não precisa repetir seu nome). A escolha da despedida mais adequada (mais formal ou informal) depende do grau de proximidade com a pessoa ou a cultura da empresa.

Seguem alguns modos de despedida mais usados para os relacionamentos de trabalho:

Grato/Obrigado– Indispensável quando solicitamos algo na mensagem.

Atenciosamente – Ligeiramente formal. cai bem em mensagens informativas ou em que respondemos à solicitação de alguém.

Abraço– Despedida mais próxima e informal, para usar com pessoas chegadas ou ambientes descontraídos.

Saudações – Despedida mais formal ou para usar com quem você não tem nenhuma intimidade.

Cordialmente – Também formal, paxra usar com pessoas que você quer impressionar ou com quem é preciso usar de um pouco de cerimônia.

E para não terminar essa mensagem sem despedida… Até breve!

29 Respostas para “Uso de despedida no e-mail de trabalho

  1. Oi…
    Eu gostaria de saber como se abrevia a palavra: Cordialmente ?

    Até logo,
    Greziele Carvalho.

    • Regina Giannetti Dias Pereira

      Olá Greziele. Honestamente não sei como se abrevia “cordialmente”, e sugiro que você escreva por extenso. Trata-se de uma despedida mais formal, e, se a intenção é ser formal, a abreviação não é conveniente.

  2. oie.. tira uma dúvida?

    Estar correto se despedir assim:

    “Sem mais e á dispor” (o “á” com ou sem acento grave?)
    “(meu nome)”

    por exemplo ao final de um curriculum/e-mail.

    • Regina Giannetti Dias Pereira

      Olá, Dheniffer. Vamos mudar tudo nessa despedida, ok? Não está correto “á”, que é uma forma inexistente de acentuar a preposição “a”; tampouco estaria “à”, com crase, pois não se usa crase antes antes de elementos masculinos, como é o caso de “dispor”. O correto seria “à disposição”, que é feminino, ou “ao seu dispor”.

      Outra coisa: sinceramente, esse “sem mais” é uma expressão vazia de significado e meio caretona, que não cabe num e-mail. Se me permite uma sugestão de despedida, lá vai:

      Grata por sua atenção, coloco-me à disposição
      Dheniffer

      Uma última coisa: peça para alguém ajudá-la na revisão de português de seu currículo, pois erros de português reduzem muito suas chances de ser chamada para um entrevista. Boa sorte!

      • DHENIFFER

        Muito obrigada por me ajudar.
        tomarei mais cuidado com meus erros.

        Grata por sua atenção, coloco-me à disposição
        Dheniffer Marina

        Adoreii <3

      • Regina Giannetti Dias Pereira

        :-)

  3. Boa noite, Regina!
    Parabéns pelo blog.
    Está certo utilizar o “At.te” para despedida, e o “Desde já, grato”?

    Desde já, grato
    Silvio

    • Regina Giannetti Dias Pereira

      Olá, Silvio. É adequado o seu “Desde já, grato”, expressando que você antecipadamente agradece pelo atendimento do favor que pediu. Já o “At.te”, como forma de abreviar “atenciosamente”, eu não conhecia. Sinceramente, prefiro escrever a palavra completa, sem abreviações.

  4. Regina, fiquei com uma dúvida.
    Ao fim da carta/e-mail, eu devo colocar o ponto final após o meu nome?
    Ex.; seria…
    Grato,
    Erikssen Iury Lages.

    ou

    Grato,
    Erikssen Iury Lages

    ??
    Meu professor de redação é bem detalhista…. haha!

    • Regina Giannetti Dias Pereira

      Olá, Erikssen. Dispense o uso de ponto final em sua assinatura, o costume é não usá-lo.

  5. Maria Lúcia Lopes Bezerra

    Bom Dia!

    Senhora Regina, sempre que vou terminar um Email coloco a palavra “Grata”, mas nunca sei se é logo em seguida que assino, isto o meu nome.
    Gostaria de saber a regra ex:. grata acima, o nome em baixo…
    Desde já agradeço a Senhora.

    Maria Lúcia.
    Por exemplo neste Email o que está errado?

  6. Manoel Evandro

    Mands constantemente e-mails a colegas de trabalho e, portanto, o abraço acaba ficando exagerado (grandes qtdes.) e o Atenciosamente fica formal demais.
    Vi o sinal []s de um e-mail recebido e gostei para este tipo de caso. Você o conhece? Seria o saudações??

    • Regina Giannetti Dias Pereira

      Olá Manoel. O sinal que você mencionou, pelo que sei, substitui “abraço”. O problema de usá-lo é que nem todo mundo conhece o significado. Concordo com você que mandar abraço toda hora fica cansativo e exagerado, e você pode usar outras formas de despedida conforme o contexto, como: até breve, vamos manter contato, saudações, tenha um ótimo dia, bom final de semana, boa semana etc.

  7. Julio Figueiredo

    Bom dia Regina!

    Sou comercial, atendo a engenheiros e compradores de grandes multinacionais e, muitas vezes, faz parte de meu trabalho prezar pela aproximação com o cliente, mesmo que me comunicando exclusivamente por e-mail.
    Criar um relacionamento é primordial, assim gostaria de saber como posso utilizar uma despedida que não seja tão formal quanto “atenciosamente ou cordialmente”, tampouco muito informal quanto “Abraço”, lembrando que devo realizar esta aproximação de forma gradativa.

    Atenciosamente,

    Julio Cesar

    • Regina Giannetti Dias Pereira

      Olá Júlio, você pode despedir-se desejando um bom dia ou semana ao destinatário de sua mensagem (nesse caso, use outra saudação que não “bom dia”). Pode também usar até breve, caso tenha um encontro próximo com a pessoa.

  8. Boa tarde, Regina
    Gostaria de saber se devemos colocar ou não a vírgula após o Atenciosamente, ao nos despedirmos, mormente quando assinamos nosso nome em seguida, na linha logo abaixo.
    Obrigada pela atenção.

  9. E quando uma secretaria se despede para o direto com a seguinte frase: Estou ao seu inteiro dispor??????? Tem intimidade??????

    • Regina Giannetti Dias Pereira

      Olá Salvador. Essa forma de despedida é normalmente usada para expressar cordialidade e formalidade. Não a considero íntima não.

  10. Olá, Regina,
    tenho uma dúvida de como deixo o famoso “att” no final do e-mail, escrevo a palavra completa, atenciosamente ou posso abreviar com o Att., sendo assim, se caso abreviar, coloco, Att.: (ponto e dois pontos) ou Att, (virgula) ou atenciosamente. (ponto no final ou vrigula?).

    Obrigado!
    Júlio

  11. Fabricio do Prado Semmler

    Obrigado pelas dicas! Esse tipo de coisa ninguém ensina, mas é muito útil.

    • Regina Giannetti Dias Pereira

      Júlio, melhor seria você escrever “Atenciosamente” por completo, é mais chique! Se ainda assim quiser abreviar, sugiro a forma “Atte.”, já que “Att” é abreviação da forma “in attention to”, que significa “em atenção a” e aparece na introdução de uma carta em inglês.

  12. Interessante e verdadeiro…

  13. Obrigado pelas dicas Regina, me ajudou muito.

    Atenciosamente.
    Ricardo reis
    fantasiako2000.wordpress.com

  14. Luiz Evaristo Silva

    Entendi a explicação da Regina e concordo.
    Nos relacionamentos virtuais não devemos dispensar os princiípios da cortesia, o mesmo acontece quando nos relacionamos pessoalmente.

  15. há quem ache que o email, por se tratar de um meio de comunicação que se quer fácil, prático e curto, tipo “directo ao assunto”, dispensa essa despedida, assim com dispensa uma saudação inicial. Concorda?

    • Regina Giannetti

      Olá, Nuno. Discordo dessa visão. Assim como cumprimentamos uma pessoa quando a encontramos na rua ou ela atende um telefonema, devemos também saudar as pessoas pelo e-mail e, ao final da mensagem, nos despedir delas. É uma questão de etiqueta. É claro que, se trocamos mais de uma mensagem ao dia com determinada pessoa, não precisamos ficar falando “bom dia” nos e-mails seguintes. Também acho que a mensagem em si deve ir direto ao ponto, mas isso não dispensa os princípios da cortesia, que também são muito importantes nos relacionamentos virtuais.

  16. Acho que faltou exatamente desta forma como está o texto aqui explicando a finalização em nossa apostila Regina, talvez de outra forma você falou a mesma coisa,mas achei bem interessante esta maneira.

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s